Página Inicial > Informes Campus II, Informes UNEAL > De filho de trabalhador a Doutor

De filho de trabalhador a Doutor

Fonte: notícias da UNEAL (11/04/2011)

Professor da Uneal conquista doutorado
Ascom-Uneal

“Paradeiros e  Revoltas dos Canavieiros Alagoanos entre 2007/2009”. Com essa tese o professor Paulo Cândido da Silva do Campus II da Universidade Estadual de Alagoas, em Santana do Ipanema, concluiu o curso de doutorado, em março, na Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), pelo Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS).  O projeto teve o auxílio da bolsa de Doutorado da FAPEAL.

Segundo o autor, a tese faz um estudo sobre as mobilizações dos trabalhadores assalariados canavieiros de Alagoas, ocorridas entre 2007 e 2009. “Esses conflitos trabalhistas dos canavieiros foram analisados numa perspectiva histórica e dialética, com a finalidade de entender os processos de luta dos trabalhadores do corte de cana como experiências sociais de resistências coletivas”, explica Paulo Cândido. 

Sobre a contribuição do trabalho para a comunidade acadêmica, o novo doutor da Uneal afirma: “a presente tese pretende também oferecer à comunidade uma compreensão das atuais condições de trabalho nos canaviais. Apresenta uma reflexão sobre a contribuição histórica dos recentes paradeiros e revoltas dos canavieiros para a construção de relações de trabalho marcadas pelo respeito aos direitos e a dignidade humana”.

A conclusão do doutorado significa não apenas mais uma etapa da carreira profissional. Para Paulo Cândido, sua importância está também na conquista pessoal. “O grande significado e responsabilidade política com a conclusão deste trabalho é o fato de poder mostrar que é possível o filho de um simples trabalhador de um município dos canaviais pernambucanos chegar hoje à condição de Doutor”, destaca.

  1. 22, junho, 2011 em 19:44 | #1

    Olá! Realmente é uma bela história de vida, acho muito belo esse exemplo de vida do Prof. Paulo Cândido que venceu com garra, determinação e num esforço sem igual hoje é um prof. Doutor, se no Brasil os trabalhadores fossem tratados com dignidade maior, certamente os filhos deles não teriam que passar por tantos desafios para chegar aonde chegou o PAULO CÂNDIDO!!!!! REALMENTE A EDUCAÇÃO É A BASE DE UMA SOCIEDADE MELHOR E MAIS JUSTA COM O SEU POVO!